Quer deixar um blogueiro feliz? Comente! Related Posts with Thumbnails
RSS
email

Yes, eu sou atrapalhada! - Parte III



Bem, se você chegou até aqui você provavelmente já leu a Parte I e a Parte II e deve estar dizendo: “Certo, mas e agora? Onde Deus entra no meio dessa história”. Já foi chegar lá.

Bom, dede que existo (e isto inclui o tempo em que eu morava na barriga da minha mãe) eu frequento a Igreja do Evangelho Quadrangular. Não estou fazendo propaganda de igreja (apesar de amar essa com quase todas as minhas forças – quase, porque com força total só a Deus mesmo...rsrs), mas quero mostrar que meu contato com as coisas de Deus sempre estiveram comigo. Eu ia na Igreja, sempre era considerada “o exemplo”, “a santinha”, tanto na igreja quanto nos outros lugares por onde eu passava. Apesar disso tudo, algo ainda faltava dentro de mim.

Na escola eu era a “certinha”, a “perfeita”, mas também era a “atrapalhada”, a “magrela”, a “esquisita”. Eu era a mais “zoada”, aquela que as crianças e adolescentes vivem fazendo piadinhas. Eu era considerada uma das melhores alunas da turma em todos os anos da minha vida escolar, quando não “a melhor”. E era nisso que eu me refugiava. Eu queria ser a melhor em tudo na escola e eu realmente era a melhor em quase tudo (só nunca me dei muito bem com esportes). Mas de que me adiantava? Meus “amigos”de escola não se importavam muito comigo e eu estava sempre sozinha na igreja ( as pessoas até achavam que eu era tímida – o que é um absurdo para quem me conhece hoje). Eu sabia que eu estava longe de será garota “perfeita” que as pessoas achavam que eu era

Então um dia Jesus entrou no meu coração. Não que eu não gostasse dele, ou não acreditasse na sua existência antes, mas Ele entrou de verdade. Como é isso?Eu já tinha ouvido muito sobre Jesus durante toda a minha vida, sabia muitas coisas, mas aqueles verdades não haviam penetrado fundo em mim. Um dia elas furaram a minha defesa e atingiram o meu coração. Descobri que eu poderia ser a “magrela”, a “esquisita”, a garota que tentava ser sempre melhor que todos, a zoada, a atrapalhada em todos os sentidos de sua vida, mas isso não importava para Jesus. Ele me amava do jeito que eu era, e morreu por mim mesmo sabendo que eu seria desse jeito.Minha vida mudou. Hoje não sou mais aquela menininha, não somente por ter crescido e me tornado adulta (até porque atrapalhada eu continuo sendo), mas porque Deus está na minha vida.

Talvez os seus problemas sejam muito maiores do que os meus foram, até porque hoje eles me parecem insignificantes, mas lá com os meus 12 anos, eles doíam muito. Não importa se você é um bêbado, um drogado, uma prostituta, um assassino, um ladrão ou se você é uma pessoa que freqüenta uma igreja mas nunca levou Deus a sério. Você não precisa mudar você mesmo pelas suas próprias forças primeiro para ir até Ele porque Ele é quem vai fazer a mudança em você.

Então venha. Jesus tem me capacitado a cada dia e se hoje eu sou quem sou foi porque Ele fez uma mudança radical em minha vida. Posso ser só uma pessoas “atrapalhada” mas eu fui escolhida por Deus e Ele acaba de escolher você também.


Bookmark and Share

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para que o blog possa melhorar sempre! Não deixe de deixar suas críticas, dúvidas ou elogios...eles serão sempre bem vindos! Deus te abençõe!

 
"E Jesus disse-lhe: Se tu podes crer; Tudo é possível ao que crê" (Marcos 9.23)

"Guarda-me como a menina dos olhos, esconde-me à sombra das tuas asas" (Salmos 17.8)

" Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá;e todo aquele que vive e crê em mim nunca morrerá" (João 11.25-26)

Faço parte

União de Blogueiros Evangélicos
.

Visitantes